Carreira e oportunidades no mercado em época de turbulência

Crise econômica

A crise econômica, que não é somente brasileira, tem afetado com maior ou menor proporção vários países. Nos Estados Unidos, por exemplo, a economia ora sinaliza crescimento, ora parece estar andando de lado. Num mercado de muitas incertezas é natural sentirmos insegurança diante do nosso futuro profissional e da nossa empregabilidade. As dúvidas passam por questões do tipo: “Que rumos dar  a minha carreira?”; “O que o mercado está contratando?”; “Meu currículo está competitivo?”; e “Quais são as competências indispensáveis para manter minha empregabilidade?”. Diante desse contexto, discorrerei sob a ótica do mercado de TI, no qual atuo, mas entendo que as informações a seguir podem ser úteis para profissionais de qualquer segmento.

Primeiramente, segue uma pequena reflexão sobre a carreira em momentos turbulentos, e que geram tantas incertezas como o que estamos vivenciando. Para mim, carreira é um processo de contínuo aprimoramento, e que você deve pensar como algo que merece toda a sua atenção todos os dias. Convido você a pensar sobre como está a sua neste momento, respondendo às seguintes perguntas:

1) O que eu aprendi de novo hoje, nos  últimos dias, ou neste  mês?

2) Que cursos realizei, ou estou fazendo, visando expandir minhas habilidades, ou meu desempenho?

3) Como foi o último feedback que recebi do meu gestor e dos meus pares, ou clientes? O que fiz com eles? Qual foi meu plano de ação?

4) Qual foi o livro interessante que li neste último mês  e qual meu aprendizado com ele?

Avalie e reflita sobre as respostas e veja o quão você está preocupado, de fato, com sua carreira e empregabilidade. Muitos profissionais pensam que o gestor ou a empresa ainda são os responsáveis por sua empregabilidade e carreira. Lembro sempre que o papel do gestor é de ser um facilitador para o seu crescimento, mas nunca o responsável por suas escolhas e seu desenvolvimento.

Provavelmente, se você respondeu a todas as questões de forma positiva, sim, você está com empregabilidade, sua carreira está em ascensão e você é um profissional que a empresa quer manter e o mercado está buscando você. Agora, se suas respostas foram contrárias é momento de tomar para si a responsabilidade e começar a agir rapidamente se você deseja manter-se no mercado de trabalho.

Se pensarmos no contexto das oportunidades para o mercado de TI, o perfil técnico é condição básica para ter seu currículo selecionado. O processo seletivo começa com a análise de quais são seus diferenciais na visão de negócio, cliente e atendimento. Profissionais que trabalham focados apenas para a sua atividade sem olhar o contexto, e desconhecendo a sua contribuição para o resultado do negócio, estão fadados a perder seu espaço nas organizações. Todos os profissionais, sejam da área de atendimento ao cliente, desenvolvimento, operações, financeira, marketing, vendas e recursos humanos precisam saber qual a sua contribuição para o resultado.

Além do conhecimento técnico indispensável, que todo profissional precisa demonstrar num processo seletivo, o perfil de empreendedor que traz para si a responsabilidade com a satisfação e encantamento do cliente, o foco no resultado e sua contribuição é o que buscamos na contratação. É àquele candidato que está preocupado com a qualidade e melhoria dos processos de atendimento e retenção de nossos clientes, independente da área em que irá atuar. O profissional tem que ter a visão do negócio e saber mobilizar seus conhecimentos e habilidades para a melhoria da produtividade, seja através de novos processos, ou novas tecnologias. Para estes profissionais não há mercado ruim, sempre haverá oportunidades, pois toda a empresa busca ter este profissional no seu time.

Neste momento de crise as empresas olham seus custos, mas haverá espaço para os mais bem preparados. Vejo isso como uma tendência. O mercado cada vez mais exigente, o cliente não se satisfaz mais com atendimento mediano, ele quer o melhor, seja no atendimento, seja na qualidade final dos serviços, ou produtos ofertados com o melhor preço. Com isso, a qualificação do time é imprescindível para a sobrevivência das empresas.

Portanto, quando me perguntam o que estamos contratando, respondo que este é o perfil que buscamos para todas as áreas: profissionais que saibam ir além do job description.  Entretanto, as áreas que mais demandam bons profissionais são suporte técnico e vendas.

Por outro lado, na condição de responsável por programas de atração, desenvolvimento e retenção de pessoas, a área de recursos humanos precisa conhecer seus melhores talentos e promover ações de reconhecimento destes que fazem a diferença, entregam mais do que é esperado e sabem o que fazem. Porque fazem sendo protagonistas de sua vida e carreira.

Sempre reforço que não há caminho de mão única. Ambos, empregado e empregador, precisam caminhar juntos como parceiros de negócios. Quem agir com esta visão sempre encontrará excelentes oportunidades de trabalho.

Fonte: Canaltech Corporate
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s